MOVIMENTO EU SOU ECO

ECOANDO A SUSTENTABILIDADE

ECOPÉDIA

Enciclopédia da Sustentabilidade

Casas Impressas em 3D – O que são e como é essa tecnologia?

Casas impressas em 3D
Casas impressas em 3D são construídas por impressoras que se adaptam ao tamanho do projeto. Essas construções são super sustentáveis.

Você já ouviu falar de casas impressas em 3D?

Você ainda duvida da possibilidade de que casas possam ser impressas em 3D e são nosso futuro? Conhece as impressoras com tecnologia 3D? Não duvide mais! Pois Isso já é realidade!

O surgimento das impressoras 3D representou um marco disruptivo no desenvolvimento tecnológico. Tornou possível a construção de utensílios que antes demandavam alto nível de investimento em maquinário para serem produzidos. 

Essa tecnologia cresceu! Agora promete revolucionar o mundo das construções sustentáveis. Isto é, irá democratizar o acesso à moradia ao redor do mundo.

Vamos entender mais?

O que são as casas impressas em 3D? 

Impressoras 3D são basicamente máquinas de modelar tridimensionais. Elas funcionam essencialmente como um Laser que vai modelando uma peça bruta a partir de uma determinada resina plástica. Assim, como mágica, o processo vai ocorrendo até que essa peça adquira o formato desejado. 

Legal né? Mas por que essas máquinas representam uma grande evolução na criação de novos produtos? Elas eliminam várias etapas do processo antigo.

Por exemplo: Antes, para se ter um enfeite plástico de mesa, em primeiro lugar era necessário o trabalho de um designer, que desenharia o produto. Em segundo lugar de um projetista, que faria o desenho em 3D. Em terceiro lugar de um artesão para construir um molde. Por último, uma indústria injetora de plástico para modelar e injetá-lo no molde.

Enfim, todo esse processo era oneroso e muito demorado. As impressoras 3D encurtam esse caminho! Por quê? Moldam o polímero plástico utilizando apenas o modelo 3D desenvolvido pelo projetista. Assim, tornam todo o processo muito mais ágil e barato. 

Quando surgiram no mercado, as Impressoras 3D tinham um custo de aquisição elevado. Lá pela metade da década de 1990, quando as primeiras versões saíram no mercado, era necessário desembolsar cerca de 30 mil dólares para se comprar uma. Hoje, já podemos comprar uma dessas belezinhas por menos de mil reais. As pequenas, é claro!

O que ? Mas e as casas! como é possível imprimi-las? 

Com o passar dos anos, a tecnologia de impressão em 3D se desenvolveu e os projetos começaram a ficar cada vez maiores e mais desafiadores. Alé, disso, o desenvolvimento de novos Softwares e novos Hardwares possibilitou a construção de impressoras 3D cada vez maiores. Capazes de construir objetos cada vez mais complexos.

Outro grande passo para o surgimento das casas impressas em 3D foi o desenvolvimento de impressoras Outdoor. Ou seja, de máquinas capazes de trabalhar fora dos ambientes controlados dos laboratórios e dos galpões de fábrica. 

Surgiram então novas formas de injeção. Também foram adaptados outros tipos de materiais que agora são injetados pelas impressoras. Enfim, isso tudo facilita, e muito, o surgimento das casas impressas em 3D.

As casas impressas em 3D são construídas por impressoras moduladoras. Isto é, a estrutura da máquina se adapta ao tamanho do projeto pretendido!

Como funciona a construção? Essas impressoras utilizam um sistema de injeção de concreto em camadas para, desse modo, moldar a estrutura da construção. 

Blocos pré fabricados de concreto imprimidos em 3D
Estruturas impressas em 3D

As impressoras 3D desenvolvidas para a construção são impressionantes! Diversos fatores nos chamam a atenção! Entre eles, talvez o mais impressionante, seja o tempo em que as construções são finalizadas. 

Hoje já existem impressoras disponíveis no mercado que possuem a capacidade de construir casas de 60m2 em menos de 24h.

É realmente impressionante! Não acha? 

Vantagens da impressão 3D de Casas no Brasil

A tecnologia de impressão 3D de casas no Brasil está em fase de desenvolvimento acelerado, com grande potencial para revolucionar o setor da construção civil. Apesar dos desafios e da necessidade de aprimoramentos, essa tecnologia inovadora já está sendo utilizada em diversos projetos pelo país, oferecendo soluções promissoras para o déficit habitacional e a construção sustentável.

Vantagens e Potencial da Impressão 3D na Construção

A construção de uma casa impressa em 3D pode ser até dez vezes mais rápida do que o método tradicional, reduzindo custos e tempo de obra. Além disso, a tecnologia garante alta precisão e padronização na construção, minimizando erros e desperdícios. O interessante é que isso permite a utilização de materiais reciclados e biodegradáveis, diminuindo o impacto ambiental da construção.

Mais que isso, ainda possibilita a criação de designs inovadores e personalizados, atendendo às necessidades específicas de cada projeto. Principalmente, tem o potencial de baratear o custo da construção, tornando a moradia digna mais acessível à população.

Desafios e Obstáculos à Impressão 3D no Brasil

  • Custo da Impressora 3D: O investimento inicial em impressoras 3D ainda é alto, limitando o acesso à tecnologia.
  • Regulamentação: A falta de uma legislação específica para a impressão de casas em 3D gera incertezas e dificulta o desenvolvimento da tecnologia.
  • Materiais de Construção: A busca por materiais adequados, duráveis e com bom custo-benefício ainda é um desafio.
  • Mão de Obra Especializada: A carência de profissionais qualificados para operar as impressoras e gerenciar os projetos de impressão de casas em 3D exige investimentos em treinamento.
  • Aceitação do Mercado: A desconfiança de alguns consumidores com relação à qualidade e segurança das casas impressas em 3D precisa ser superada.

Soluções tecnológicas para tratamentos de resíduos (Abre numa nova aba do navegador)

Aplicações da impressão de casas em 3D no Brasil

  • Casas Populares: Diversos projetos já foram realizados para construir casas populares em 3D, com o objetivo de reduzir o déficit habitacional e oferecer moradias dignas à população de baixa renda.
  • Habitação Social: A tecnologia também está sendo utilizada para construir unidades habitacionais em áreas de risco ou com acesso limitado a métodos tradicionais de construção.
  • Casas de Emergência: Em situações de desastres naturais ou conflitos, a impressão 3D pode oferecer soluções rápidas para a construção de abrigos temporários e casas emergenciais.
  • Unidades Comerciais e Industriais: A tecnologia também pode ser utilizada para construir espaços comerciais, módulos industriais e outras estruturas com rapidez e eficiência.
  • Protótipos e Modelos Arquitetônicos: A impressão de casas em 3D permite a criação de protótipos e modelos arquitetônicos realistas, facilitando o planejamento e a visualização de projetos.

Exemplos de Projetos de Impressão 3D no Brasil

Casa em Itabuna (BA): Uma das primeiras casas impressas em 3D no Brasil, construída em apenas 5 dias com um custo de R$ 70 mil.

Vila Tupã (SP): Um projeto que visa construir 400 casas impressas em 3D para famílias de baixa renda, com foco na sustentabilidade e na inclusão social.

Mutirão de Casas em Goiânia (GO): Um projeto que utiliza a impressão em 3D para construir casas populares em um tempo recorde, com foco na redução do custo final das obras.

Condomínio em Curitiba (PR): Um projeto inovador que utiliza a impressão 3D para construir um condomínio residencial com casas personalizadas e sustentáveis.

As casas impressas em 3D são realmente sustentáveis? 

Casas impressas em 3D são o futuro e são muito, muito sustentáveis! Ok! Mas, vamos pensar nas vantagens e desvantagens das casas impressas em 3D?

Fatores Ambientais

Observe! Casas impressas em 3D promovem uma significativa economia de recursos naturais em seu processo de construção.

Então, quem já viu uma casa sendo construída sabe que o desperdício de materiais beira ao absurdo. Esse é um problema que foi resolvido pelas impressoras 3D, já que as casas impressas utilizam apenas os recursos necessários. Assim evitam o desperdício de recursos naturais. Como por exemplo: a areia, a água e o ferro.

Casas Autossustentáveis – O que são, vantagens e requisitos (Abre numa nova aba do navegador)

Temos também uma economia dos recursos brutos. Porque as casas em 3D também evitam a geração de centenas de quilos de resíduos sólidos não recicláveis: Um bom exemplo são as embalagens de cimentos. Outro, as sobras concretadas das construções. 

Assim: como essa tecnologia trabalha com a injeção direta de concreto para a modelagem da estrutura da casa, também evita o desperdício de concreto. Afinal esse material é injetado com precisão milimétrica. Vale lembrar que economizar na utilização de concreto auxilia na diminuição dos efeitos estufa na atmosfera

Outro ponto interessante é que a mesma tecnologia utilizada para injetar concreto pode e está sendo utilizada na injeção de argila. Além de outros compostos naturais baseados na mistura de terra. 

Essa liga natural, a mesma que é utilizada na construção de tijolos de adobe, elimina totalmente a necessidade de concreto e, sobretudo, outros compostos poluentes. Ou seja, materiais altamente demandantes de recursos naturais exógenos. 

Projeto de casa impressa utilizando terracota
Projeto de construção de casas impressas em 3D

Fatores Econômicos

Você sabe quanto custa imprimir uma casa em 3D? É barato, muito barato!

Uma das metas envolvidas no processo de desenvolvimento de impressoras 3D, dedicadas à construção civil, é a diminuição nos custos de fabricação. 

Você sabia?

Que já existem impressoras 3D que podem construir casas de 60m2 a um custo total de mil dólares (cerca de 5 mil reais – cambio da data desta postagem)?  Já imaginou uma casa de 60m2 construída em menos de 24h a um custo tão baixo? Pode até parecer absurdo! Mas já é realidade!

Esse valor faz muito sentido quando paramos para pensar que quem vai construir a casa é uma máquina. Uma vez que, os custos com mão de obra são incrivelmente altos em um projeto arquitetônico. 

Você pode estar pensando: mas e os empregos que serão perdidos? Sim, não se pode deixar de pensar nisso! Vamos lá:

Fatores Sociais

A discussão que se faz em torno das novas tecnologias é importante. Assim devemos repensar os prós e contras. Sem dúvida!

Veja bem, o mundo está se reinventando. Com o tempo determinadas profissões serão extintas naturalmente. É inevitável!

Assim, também é o caso com a tecnologia para a impressão de casas 3D. Muitos trabalhadores braçais perderão seus empregos. Entretanto com um mundo que se renova, poderão trabalhar em projetos sustentáveis em vez de no desenvolvimento insustentável. Observe que no mundo inteiro estão surgindo os chamados Empregos Verdes.

Escrevi um artigo sobre eles se você quiser avaliar essa questão: O que são empregos verdes?

Então, o momento agora é de repensar o futuro. Reavaliar tudo o que agride o meio ambiente.

Veja bem, o que explica esse baixíssimo valor das casas impressas em 3D é a economia em recursos naturais que esse tipo de tecnologia permite. Pense nisso, pois é importante! Afinal, quanto mais se economiza em recursos naturais, mais se economiza em recursos financeiros. Então, menos se destrói o planeta. Ou seja, a nossa casa!

É justamente esse o ponto que faz com que as casas impressas em 3D, que são o futuro, contribuam para a sustentabilidade econômica e social.

Você sabia?

Que diversos projetos ao redor do mundo já estão trabalhando com a construção de casas impressas em 3D para fins humanitários? 

Como essas casas impressas em 3D são construídas em tempo recorde e com baixo custo, elas estão sendo destinadas a moradias sociais. Assim auxiliam na resolução de uma grande problemática – a questão das moradias e dos desabrigados. 

Claro! Sem dúvida! Muito ainda há de se evoluir nesse ramo da tecnologia e das inovações. Em conclusão, acredito que em breve veremos um vizinho apostando e inovando nesse modelo de construção. Portanto, as casas impressas são o futuro e vieram para ficar. O planeta agradece! 

O que é Bioconstrução e como fazer uma casa sem impactos ambientais (Abre numa nova aba do navegador)

Referências de pesquisa para casas impressas em 3D

Teses e Dissertações

Repositório Institucional da Universidade Federal de Campinas (UNICAMP):

Livros e Capítulos de Livros

3D Printing of Concrete

3D Printing and Construction

Sites de Organizações e Instituições:

  • Habitat for Humanity Brasil
  • Conselho Brasileiro da Construção (CBC)
  • Associação Brasileira de Impressão 3D (AB3D)
  • Laboratório de Tecnologia da Construção da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS):

3. Relatórios e Documentos Oficiais

Continue o raciocínio...

Deixe sua impressão

Respostas

Relacionados

Traduzir »
logo 123 ecos